CFO esclarece nomeação do plenário do CRO-SC

O CRO-SC recebeu, na tarde da última quinta-feira (8), a visita da Academia Catarinense de Odontologia (ACO), representada pelo presidente Antônio Gonçalves Filho e Saulo Rogério Stefen Albuquerque, ex-presidente do Conselho Regional de Odontologia de Santa Catarina. A visita foi decorrente de convite da presidente do CRO-SC, Sandra Silvestre, e foram recebidos pela diretoria, membros do conselho e pelo presidente e o vice do CFO, Juliano do Vale e Ermensson Luiz Jorge.

O encontro foi uma oportunidade na qual o presidente do CFO esclareceu aos visitantes os motivos que resultaram na nomeação do plenário completo do CRO-SC para a gestão 2019/2021. “A diretoria anterior encerrou sua gestão, cumprindo-a até o último dia. O que ocorreu em seguida foi que, devido a irregularidades fartamente documentadas, não houve homologação da eleição de 2018. Consequentemente, o CRO-SC não podia ficar acéfalo e nem havia tempo hábil – bem como previsão orçamentária – para a convocação de nova eleição, resultando na decisão de nomear o plenário completo, permitindo então que a gestão pudesse transcorrer dentro da necessária normalidade que o órgão exige.”

Juliano do Vale lembrou que a lei faculta ao CFO a nomeação de um plenário nessas situações e que esta era a solução menos traumática, garantindo a continuidade da administração e do funcionamento do Conselho.

“Eu disse hoje, aqui, o quanto agradecemos a esta diretoria e conselho por terem aceitado enfrentar o desafio de regularizar o CRO-SC, para que passasse a funcionar como deve”, destacou o presidente do CFO. “Vivenciamos situações diversas do que se espera ao assumir um Conselho com este grau de responsabilidade perante os órgãos oficiais, além da cobrança da classe. Entendo e reconheço as dificuldades e sou grato por não terem se eximido do desafio em um momento tão delicado”.

Os representantes da Academia agradeceram as informações recebidas e aproveitaram a oportunidade para afirmar sua expectativa de retomar os laços até então rompidos com o CRO-SC devido a divergências com a diretoria anterior. A presidente Sandra Silvestre convidou-os a se fazerem mais presentes, assegurando que a experiência dos colegas da ACO nos temas do interesse da odontologia somará ao trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Conselho.

0
Seja o primeiro a comentar!
Escreva aqui seu comentário...